Sociedade Bíblica de Portugal

A Década de Almeida (2018-2028)

Uma oportunidade!

Não obstante os 200 milhões de exemplares de Bíblias distribuídos, João Ferreira de Almeida é, em simultâneo, um dos mais desconhecidos autores de todo o espaço lusófono. Até 2028 (400 anos do seu nascimento) o projeto A Década de Almeida tem como objetivo tirar o tradutor luso da «clandestinidade» histórica e cultural e celebrar a sua tradução como património comum das igrejas herdeiras da reforma protestante

Aqui ficam as várias iniciativas e acontecimentos, nos quais se pode envolver com a sua comunidade de fé, para celebrar a vida e a obra de Almeida:

  • Grupos de Almeida, uma iniciativa na qual as igrejas se podem inscrever para participarem no atual processo de revisão da tradução de João Ferreira de Almeida. O texto da Bíblia traduzida pelo tradutor português (1628-1691) não era alvo de uma revisão extensiva em Portugal há mais de 120 anos, apesar das atualizações ortográficas e de âmbito pontual feitas em 1940, 1968 e 2001. Esta revisão é especialmente importante, pois procura tornar esta tradução tão amada por todos os falantes de português. As igrejas inscritas nos Grupos de Almeida, receberão a formação das Oficinas de Leitura para poderem ler e ouvir ler os diversos livros da Bíblia, à medida que a revisão vai sendo concluída, e detetarem quaisquer incoerências de linguagem, gralhas, etc. que ainda possam persistir!
  • Jornada A Bíblia de Almeidauma iniciativa anual e conjunta com as escolas bíblicas nacionais, que se realiza no dia 31 de Outubro – dia da Reforma Protestante – onde, entre vários aspetos, se pretende incrementar o conhecimento (histórico, social e religioso) tanto do tradutor como da sua tradução.
  • A exposição filatélica, a História da(s) Reforma(s) contada em Selos: os protagonistas, os lugares emblemáticos, e os momentos que marcaram o desenvolvimento do pensamento protestante, a exposição ajuda a contextualizar o papel do primeiro pastor protestante de língua portuguesa, ao serviço da Igreja Reformada Holandesa no Oriente. Com base nesta exposição criou-se uma exposição para escolas – Selfies da Reforma, que pode ser solicitada por igrejas ou escolas.
  • A exposição filatélica A Bíblia na Arte Postal dá a conhecer sete aspetos da história da Bíblia: edições históricas (manuscritas e impressas), tradutores, traduções em língua vernácula, cenas que ilustram os textos bíblicos, difusão nas escolas bíblicas e os eventos comemorativos (dia/semana da Bíblia, congressos, exposições e aniversários). Pretende-se que a mesma esteja em exibição nos Museus da Bíblia (Brasil, Alemanha, Hungria e EUA).
  • Selo de comemoração de 200 anos da primeira edição completa de Almeida, que pode ser adquirido nos CTT.

Iniciativas em projeto:

Gostava de saber mais?

Contacte: Simão Fonseca

Envie um email

Sociedade Bíblica de Portugalv.4.16.16
Siga-nos em: