Sociedade Bíblica de Portugal

Poder

Texto(s) bíblico

Deus está connosco

1Ao diretor do coro. Cântico da coleção dos descendentes de Corá.

2Deus é o nosso refúgio e a nossa força;

é a nossa ajuda nos momentos de angústia.

3Por isso, não temos medo,

mesmo que a terra se ponha a tremer,

mesmo que as montanhas se afundem no mar;

4mesmo que as águas rujam furiosas

e os montes tremam com o seu embate.

5Um rio alegra com os seus canais a cidade de Deus,

a mais santa entre as moradas do Altíssimo.

6Deus está no meio dela, não pode vacilar;

Deus irá em seu auxílio ao romper do dia.

7As nações murmuram, os reinos agitam-se.

Ele faz ouvir a sua voz e a terra estremece.

8O Senhor todo-poderoso está connosco!

O Deus de Jacob é o nosso refúgio!

9Venham contemplar as obras do Senhor,

as coisas surpreendentes que ele fez sobre a terra.

10Ele acaba com as guerras no mundo inteiro;

quebra os arcos e despedaça as lanças;

põe fogo aos escudos!

11«Parem! Reconheçam que eu sou Deus!

Serei supremo entre as nações,

supremo em toda a terra!»

12O Senhor todo-poderoso está connosco!

O Deus de Jacob é o nosso refúgio!

O escritor do Salmo 46 diminuiu o zoom. À semelhança dos salmos lidos ontem e anteontem, este salmo também fala de Deus como protetor. Porém, as imagens que o Salmo 46 usa são grandiosas: a terra a tremer, montanhas que se afundam no mar, reinos que se agitam.
Durante a guerra, sentimo-nos como se a terra tremesse e tudo se desmoronasse. Soldados e cidadão comuns experimentam o mesmo sentimento. Mas Deus está acima disso, diz o salmista, e quando ele fala, todos ouvem. Aconteça o que acontecer, o objetivo final de Deus é claro: eventualmente a guerra acaba. Só Deus tem o poder de fazer isso acontecer. Ele porá fim a todas as guerras, trará paz e proteção a todos.
Deus é quem tem poder sobre todas as nações da terra, diz o salmista.

Como é que experimenta isso na sua vida, e como entende essa afirmação neste momento?

Sociedade Bíblica de Portugalv.4.16.16
Siga-nos em: