Sociedade Bíblica de Portugal

Paulo e as Autoridades Romanas

O livro de Atos conta como Paulo é frequentemente preso por soldados romanos nas suas viagens missionárias. Sendo um cidadão romano, no entanto, ele acaba sempre por ser  libertado. No final, Paulo opta por se defender diante do César, em Roma.

Nas suas cartas, Paulo escreve que este mundo não é importante. O importante é o mundo futuro, o Reino de Deus. Enquanto este mundo existir, no entanto, de acordo com Paulo, devemos obedecer aos seus líderes.

Paulo como cidadão romano

De acordo com Atos, Paulo encontra muita oposição nas suas viagens missionárias. A sua mensagem muitas vezes leva a distúrbios entre as pessoas. O resultado disso é que Paulo é então detido por soldados romanos e aprisionado.

Mas Paulo é um cidadão romano. Isto dá-lhe certos direitos. Visto que, pela lei romana, Paulo não cometeu nenhum crime, é sempre libertado novamente ( Atos 16: 35-39, 22: 22-29, 23: 27 e 25 : 16).

O apelo de Paulo a César

No final da sua terceira viagem missionária, Paulo é preso pelos romanos em Jerusalém ( Atos 21: 27-36). Por ter medo de ser assassinado nalgum lugar de Israel, pergunta se pode ir a Roma, pois quer que o imperador romano julgue o seu caso ( Atos 25: 1-22, 26: 32 e 28: 19).

Obediência às autoridades romanas

Paulo está convencido de que Deus determina tudo neste mundo. Até os líderes deste mundo são designados por Deus. Portanto, as pessoas devem obedecer-lhes ( Romanos 13: 1-7).

Nem o próprio Paulo se opõe às autoridades romanas. Não é politicamente ativo; sabe que as autoridades romanas desaparecerão em breve, quando Deus puser fim a este mundo.

Em breve, este mundo morrerá e os que estão no poder na Terra desaparecerão para sempre. Os cristãos esperam um novo mundo, um mundo em que Deus e Jesus Cristo tenham todo poder ( 1 Coríntios 2: 6, 7: 29-31 e 15: 24-28) .

 

Seja nosso Parceiro e tenha acesso a +Bíblia:

  • Bíblias de Estudo e artigos
  • Geográfia, história e cultura
  • Línguas originais: hebraico, grego e “Septuaginta”
  • Traduções em PT e noutras línguas

Sociedade Bíblica de Portugalv.4.20.15
Siga-nos em: