Sociedade Bíblica de Portugal

Aliança no Antigo Testamento: Aliança Mosaica

A “Aliança Mosaica” é a aliança que Deus fez com o povo de Israel, representada por Moisés. É também referido como o pacto sinaítico porque foi feito no monte Sinai. A aliança consiste em várias regras e mandamentos que Deus deu ao povo, incluindo os Dez Mandamentos. A aliança cria um relacionamento especial entre Deus e os israelitas: Deus agora é o Deus de Israel e os israelitas agora são o povo de Deus.

Estabelecimento da Aliança

Deus leva Israel para fora do Egito e através do deserto. Quando o povo chega ao monte Sinai, Deus revela-se a Moisés. Por meio de Moisés, faz com que as suas leis e mandamentos sejam conhecidos pelo povo. Os israelitas declaram por unanimidade que cumprirão todos os mandamentos de Deus ( Êxodo 19 e Êxodo 24: 1-3).

Ritual para selar a Aliança

A aliança é selada em Êxodo 24 através de dois rituais:

  • Um ritual de sangue: Moisés sacrifica touros, coloca metade do sangue em tigelas e com a outra asperge o altar ( Êxodo 24: 6-8). O sangue provavelmente simboliza os "laços familiares" ("relacionamento de sangue"), que de certa forma são criados entre Deus e Israel pela aliança.
  • Ofertas: Moisés faz com que os israelitas tragam ofertas queimadas e uma oferta de paz ( Êxodo 24: 11). A oferta de paz torna claro o propósito da aliança: um relacionamento pacífico entre Deus e o seu povo.

Obrigações para o povo: mandamentos de Deus

A obrigação que o pacto impõe aos israelitas é que eles tenham de seguir as regras de Deus a partir daquele momento. Agora, os israelitas pertencem a Deus, e é por isso que eles devem viver como povo de Deus. Em primeiro lugar, isto aplica-se ao relacionamento deles com Deus: Israel só deve servir a Deus e a nenhuns outros deuses ({Êxodo 20: 3 e Deuteronómio 6: 4-5). Em segundo lugar, refere a maneira como os israelitas devem comportar-se uns com os outros: a justiça social deve ter primordial importância; os pobres, estrangeiros e os oprimidos devem ser protegidos ( Êxodo 22: 21).

 

A existência de Israel depende da sua fidelidade à aliança. De acordo com Deuteronómio 28, ​​obedecer aos mandamentos de Deus traz-lhes as Suas bençãos, a desobediência faz com que sejam amaldiçoados.

Tratados hititas

De acordo com alguns estudiosos bíblicos, a aliança mosaica tem alguma semelhança com os tratados hititas do final da Idade do Bronze (ver Aliança). A aliança mosaica, tal como esses tratados, inclui:

  • uma identificação da pessoa que estabeleceu a aliança e um prólogo histórico no início do mesmo tratado (ver Êxodo 20: 2);
  • as obrigações da aliança (mandamentos de Deus);
  • um ritual para selar a aliança.

Estas características comuns poderiam indicar que a aliança mosaica contém alguns elementos muito antigos, que teriam sido editados e expandidos por autores e editores bíblicos posteriores. 

 

Seja nosso Parceiro e tenha acesso a +Bíblia:

  • Bíblias de Estudo e artigos
  • Geográfia, história e cultura
  • Línguas originais: hebraico, grego e “Septuaginta”
  • Traduções em PT e noutras línguas

Sociedade Bíblica de Portugalv.4.16.16
Siga-nos em: